Notícias

Publicado em: 06, Fevereiro 2024

ARVP foi parceira da 2ª Convenção dos Territórios Vinhateiros

A 2ª Convenção dos Territórios Vinhateiros decorreu de 31 de janeiro a 3 de fevereiro no Centro de Alto Rendimento de Anadia - Velódromo Nacional em Sangalhos e foi organizada pela AMPV - Associação de Municípios Portugueses do Vinho, em parceria com a ARVP - Associação das Rotas dos Vinhos de Portugal, RECEVIN - Rede Europeia das Cidades do Vinho e Município de Anadia. 

Jorge Sampaio, presidente da ARVP - Associação das Rotas dos Vinhos de Portugal e vice-presidente da Câmara Municipal da Anadia marcou presença neste encontro, assim como o presidente da AMPV, Luís Encarnação, e o presidente do IVV, Bernardo Gouvêa.

Jorge Sampaio foi também orador neste encontro, fazendo uma intervenção no dia 1 de fevereiro com o tema “Portugal - 20 Years of Wine Tourism”. 

Para Luís Encarnação, "esta iniciativa configura aquilo a que a AMPV se propõe todos os dias: ser uma associação viva e dinâmica, que tem na sua base o trabalho em rede, a partilha de ideias e a procura das melhores soluções para a afirmação do vinho, do enoturismo e dos territórios rurais". 

Fazendo um balanço desta 2ª convenção, José Arruda, secretário geral da AMPV, revela que "mais uma vez este evento teve um grande sucesso. Foram abordadas questões muito importantes para melhorarmos esta nossa rede de trabalho e para nos aproximarmos mais e foram apresentados projetos que podem vir a constituir excelentes ferramentas para a promoção integrada dos territórios. Fomos muito bem recebidos na Anadia, cuja oferta enoturística é de excelente qualidade, desde as caves e adegas ao Museu do Vinho da Bairrada". 

O primeiro dia foi dedicado à apresentação e debate de questões mais internas da associação, tendo sido abordados temas como a criação dos Espaços dos Territórios Vinhateiros nos municípios, a Cidade do Vinho 2024 e 2025, Cidade Europeia do Vinho 2026, Concurso de Vinhos “Cidades do Vinho”, eventos nacionais, sede nacional da AMPV, comemorações da Gastronomia Património Cultural, comunicação e redes sociais, Embaixadora da Vinha e do Vinho de Portugal, Concurso Nacional da Canção Rural, II Congresso do Vinho e do Mundo Rural, candidatura da Vinha e do Vinho a Património Cultural e Imaterial de Portugal, Rede das Freguesias Vinhateiras, projeto “Vinho com Moderação” e Rede de Museus do Vinho.

Foram também apresentados diversos projetos como o VinoEuro 2024 — Campeonato da Europa do Vinho, por Carlos Neves, da Câmara Municipal de Anadia; “Portugal - 20 Years of Wine Tourism”, por Jorge Sampaio, presidente da ARVP - Associação das Rotas dos Vinhos de Portugal; um projeto de transcrição automática de audiovisuais e tradução simultânea em tempo real; plataforma Inventrip; a RETECORK (Rede Europeia dos Territórios Corticeiros), por Francisco Oliveira, presidente da RETECORK e do Município de Coruche; Confrarias e parcerias”, por Dulcínia Sereno, da Confraria Gastronómica, e Manuel Machado, das Confrarias  Báquicas; a Cidade do Vinho 2024 (Almeirim, Alpiarça, Cartaxo e Santarém) por Nuno Russo, vereador da Câmara Municipal de Santarém; “O enoturismo e as suas diferentes formas de regulamentação no plano internacional”, pelo Prof. Carlos Torres, ESHTE; e a ATA - Aldeias de Portugal, por Márcia Mendes.

A Convenção incluiu ainda visitas ao Museu das Duas Rodas, situado no próprio Centro de Alto Rendimento de Anadia, às Caves São João e ao Museu do Vinho da Bairrada. 

< voltar