Notícias

Publicado em: 26, Março 2016

Luís Pato foi o grande vencedor dos Óscares do Vinho

Consagrado com a estatueta Senhor do Vinho, Luís Pato foi o grande vencedor na cerimónia de entrega dos prémios Os Melhores do Ano 2015. Foi com muito orgulho e satisfação que o bairradino recebeu das mãos da Revista de Vinhos este que é o Prémio Carreira, ainda mais porque a Gala deste ano teve lugar na sua região natal, a Bairrada.

Este foi o último prémio desta noite de estrelas, mas a segunda ida de Luís Pato ao palco, uma vez que já havia ido receber um dos trinta Prémios de Excelência com o Luís Pato Vinha Pan tinto 2011. Viu ainda o Luís Pato Vinha Barrosa tinto 2012 a destacar-se como um dos Melhores de Portugal e arrecadou cinco selos de Boa Compra.

O discurso do produtor foi extenso, mas as palavras proferidas nas redes sociais mais parcas: Primeiro veio o jovem sem medo, depois o Sr. Baga, agora o Senhor do Vinho... Trinta e cinco anos de amor e dedicação ao vinho, na região onde nasci e sempre vivi, a Bairrada. Obrigado à Revista de Vinho. Segundo a Revista de Vinhos, Luís Pato foi agraciado com o prémio de carreira Senhor do Vinho pela sua contribuição na divulgação e afirmação dos vinhos portugueses em todo o mundo e cuja influência no sector foi e continua a ser muito grande. É caso para dizer que este prémio soube a pato!
 
No que toca aos Prémios de Excelência, a Bairrada subiu ainda ao palco com o Quinta das Bágeiras Garrafeira tinto 2010 de Mário Sérgio Alves Nuno, produtor que esteve em destaque ao arrecadar cinco galardões de Melhores de Portugal: um espumante, o Quinta das Bágeiras Grande Reserva Bruto Natural branco 2011, e quatro DO Bairrada, o Quinta das Bágeiras Avô Fausto branco 2014, o Quinta das Bágeiras Avô Fausto tinto 2012, o Quinta das Bágeiras Garrafeira branco 2013 e o Quinta das Bágeiras Pai Abel branco 2013. O seu espumante Super Reserva branco 2012 e os tintos Garrafeira de 2010 e Reserva de 2011 foram ainda agraciados com o selo de Boa Compra.

Os Melhores de Portugal distinguiram os melhores dentro de cada região vinícola e Bairrada foi a terceira região mais premiada. Se aos vinhos de consumo juntarmos os espumantes, elevam-se de 16 para 26 os galardoados (e mais um, que embora sem DOC ou IGP é produzido pelo bairradino Campolargo). Uma cerimónia onde foram ainda entregues os diplomas relativos aos selos Boa Compra atribuídos aos vinhos provados pela equipa da Revista de Vinhos ao longo do ano de 2015; na Bairrada ficaram 61, sendo que 27 foram paras os efervescentes espumantes.

A Revista de Vinhos elegeu, pela primeira vez, o coração Bairrada para a realização do majestoso evento de entrega de prémios Os Melhores do Ano. Coincidência, ou não, esta foi uma edição épica, com mais de 1000 pessoas a aplaudir os vencedores distinguidos no Velódromo Nacional  Centro de Alto Rendimento de Sangalhos, no concelho de Anadia.

Para Pedro Soares, presidente da Comissão Vitivinícola da Bairrada, este é um marco de extrema importância para a região, que é de raiz vinícola. Segundo as suas palavras O sector vitivinícola em Portugal é, sem dúvida, um dos mais importantes da economia agroindustrial. Simultaneamente, tem-se tornado cada vez mais determinante no desenvolvimento e na preservação da nossa gastronomia e na valorização do turismo, contribuindo, de forma decisiva, para a identidade e reforço da marca Portuga. Na Bairrada, o sector é verdadeiramente efervescente, assumindo a produção de espumante um lugar de destaque, que se vem fortalecendo nos últimos anos, como mostram os dados mais recentes. O Mundo do Vinho caracteriza-se pela capacidade que que evidencia de aliar ao profissionalismo a amizade, o gosto pela partilha e pelo bem-receber. É, pois, com enorme prazer que hoje acolhemos todos os Amigos do Vinho na nossa Região, para aquela que muitos consideram ser a maior celebração do Mundo do Vinho em Portugal. Que se erga bem alto uma Taça de Espumante Bairrada, brindando não só à amizade, mas neste caso especial, a todos quantos contribuíram de forma decisiva para este outro Encontro com o Vinho.

Ver lista de premiados

< voltar